Quando pensamos em alugar, comprar ou vender um imóvel, ficamos na dúvida  se está bem avaliado, se está como preço de mercado. Até mesmo quando fechamos negócio, seja compra, venda ou aluguel,  ainda permanecemos com aquela dúvida: será que fiz bom negócio?

     Para avaliar um imóvel, não basta pesquisar em anúncios, perguntar ao amigo ou até mesmo a algum corretor de imóveis se o preço, na opinião deles,  está dentro do mercado. Na verdade, é um pouco mais complexo.

     É preciso todo um cuidado para avaliar um imóvel.

Judicialmente, por exemplo, para estimar o valor de um imóvel, é preciso um laudo técnico de avaliação mercadológica de imóveis, o qual apenas profissionais especializados e capacitados podem emitir. Esses profissionais são em sua maioria: Engenheiros, arquitetos ou Corretores de imóveis, todos devidamente credenciados no CNAI - Cadastro Nacional de Avaliadores de Imóveis.

     Ainda assim, mais adiante explicaremos como estimar o valor de um imóvel.  

     Mais adiante você encontrará um artigo esclarecedor! Nele, mostraremos procedimentos e métodos usados por profissionais ao avaliarem imóveis, sendo útil tanto para quem quer apenas ter uma noção de valor quanto para quem pretende negociar um valor já proposto.

Perícias

​Atuação em Perícias Judiciais Imobiliárias

     Tanto para a convocação de um Perito Avaliador por parte do Magistrado quanto para a contratação do Assistente Técnico Judicial, é necessário estar atento às credenciais do profissional.  Não fique em dúvida e nos procure para lhe auxiliar com perito avaliador altamente especializado e devidamente habilitado nos órgãos competentes.

     A Perícia se faz necessária para esclarecimento de fatos difusos e relevantes para resolução de um processo. Por exemplo, uma Perícia Judicial Médica pode ser solicitada para esclarecer a causa de uma lesão, uma Perícia Judicial Ambiental para determinar a causa da contaminação de um rio, ou uma Perícia Judicial Imobiliária para se determinar o valor de uma propriedade em disputa.